Estudo e pesquisa

Venho de uma carreira de pesquisadora, em uma área incomum, na época. Graduei em Dança na UNICAMP e já na graduação percebi como o estudo, as leituras eram tão fascinantes quanto me mover. Inspirada em autores, ideias e também na pele do movimento, o mestrado e doutorado ocorreram numa sequência inevitável, um privilégio pesquisar corpo, movimento e a cena contemporânea, desde 2000.

Como terapeuta, me senti em casa quando cursei o Fundamentos, do BodyTalk, em maio de 2015, e percebi que a inspiração para os estudos são da natureza inerente da prática como BodyTalk. Com uma diferença, ou mais evidente esse aspecto: o corpo pesquisa junto. O coração sabe junto. A mente silencia e observa o que aprendemos. Aos poucos, fui reaprendendo a aprender. A estudar. A pesquisar a alma.

Desde 2015, venho me dedicando a produção de conteúdo, para comunicar melhor o que é, como funciona e as características do BodyTalk. Em 2019, realizei uma série de entrevistas – BodyTalkers falando de BodyTalk o que me levou a convidar as colegas Ana Marcela Sarria e Daniele Pires para realizar uma pesquisa cartográfica sobre o BodyTalk no Brasil. Além disso, uma ação de publicação inicia, logo início de 2020, cujo para conselho editorial convidei Verena Kacinskis para construirmos juntas, chamada Escuta, para publicar periodicamente sobre o BodyTalk (em andamento, desde abril de 2020).

A formação do bodytalker é meticulosa e nos leva a perceber qual caminho nos forma da forma mais coerente com a atuação de cada um. Para tornar-se terapeuta certificado avançado, por exemplo, temos que realizar estudos de caso com pacientes. Do mesmo modo, propus um grupo de terapeutas que pudesse desenvolver um Estudo de Caso sobre Articulações na aplicação do BodyTalk (em andamento, desde abril de 2020).

Os grupos de estudos também são uma tônica no BodyTalk. Em 2020, inicio um Grupo de Estudos quinzenais sobre o Mindscape para terapeutas (que cursaram esse módulo). Temos dois grupos as 4as (manhã e tarde). Para quem se interessar: para saber mais Mindscape e trocar com colegas, acesse aqui; para participar do grupo matinal quinzenal de Mindscape (se você cursou Mindscape), aqui; para participar do grupo noturno quinzenal de Mindscape (se você cursou Mindscape); esse é o caminho caso não tenha cursado, e queira saber mais de cursos de Mindscape no site da IBA.

E finalmente, se você tem algum jovem (filho ou aluno), interesso em criar novas ferramentais para estudo que estejam cursando o Fundamental 2, pode entrar no grupo de whatsapp ou me procurar que te explico como e por que o Mindscape pode ajudar nos estudos.

Ações de pesquisa

Pesquisa cartográfica

Nirvana Marinho, Ana Marcela Sarria e Daniele Pires

realizada entre setembro de 2019 e março de 2020

Link para baixar pdf

Estudo de Caso, Articulações

para saber mais, envie-me email para


nirvana.bodytalk@gmail.com
ou whats

Vamos construir algo juntos.